EVANGELHO NO LAR

09-05-2010 11:16

Importância:


Com o estudo do Evangelho de Jesus aprende-se a compreender e a conviver na família humana.
Assim, conscientes de que são espíritos devedores perante as Leis Universais, procuram conduzir-se dentro de atitudes exemplares, amando e perdoando, suportando e compreendendo os revezes da vida.
Quando o Culto do Evangelho no Lar é praticado fielmente à data e ao horário semanal estabelecido, atraem-se para o convívio doméstico Espíritos Superiores, que orientam e amparam, estimulam e protegem a todos.
A presença de Espíritos iluminados no Lar afasta aqueles de índole inferior, que desejam a desunião e a discórdia. O ambiente torna-se posto avançado da Luz, onde almas dedicadas ao Bem estarão sempre presentes, querem encarnadas, querem desencarnadas.
As pessoas habituadas à oração, ao estudo e à vivência cristã, tornam-se mais sensíveis e passíveis às inspirações dos Espíritos Mentores.


Como fazer:
 
(coloque água p/ fluidificar durante o Evangelho)

1- Prece Inicial:

Silenciamos dentro de nós e buscamos em nossa mente a Figura de Jesus, equilibrando as-sim, nossa aura, sintonizando-nos com o Plano Maior e pedimos:

"Senhor, dá-nos Tua Inspiração na Leitura Evangélica de hoje, e sustenta-nos durante toda a reunião, através de Teus mensageiros, para que possamos assimilar os ensinamentos e colo-cá-los em prática nem nosso dia-a dia."

2-a - Leitura de uma mensagem

2b- Leitura do Evangelho

(Os comentários devem envolver o trecho lido, buscando-se alcançar a essência dos ensinamentos de Jesus, realçando-se a necessidade da sua aplicação na vida diária.)


3- Vibrações: (Fazer vibrações é emitir sentimentos e pensamentos de amor, paz e harmonia)

- Fraternidade e Paz a toda Humanidade
- Pela implantação do Evangelho em todos os lares
- Pelo equilíbrio e Paz de toda família
- Pela cura e sustentação dos nossos familiares e amigos que estejam doentes
- Pelos presentes no Evangelho
- Pelo nosso lar onde está sendo feito o Evangelho (imaginar luz nas paredes, teto, piso, por-tas, roupas, alimentos, etc)

Pedimos:

" Mestre, abençoa o nosso lar, a nossa família. Faze com que haja paz, equilíbrio e harmonia em nossa casa, para que ela seja um lugar de refazimento físico e espiritual.
Jesus, cada um de nós tem um pedido em particular para Te fazer e, neste momento, silenci-amos, para que cada um de nós abra o coração a Ti, a fim de receber Tua orientação Amiga e Tua Luz." (silenciar)


4- Prece de encerramento:

" Jesus Amado!
Companheiros e amigos do Plano Maior!
Nós agradecemos a visita de Amor e a sustentação que nos foi dada, durante este Evange-lho, e pedimos que possamos estar todos juntos na próxima semana, para mais uma Reunião Evangélica neste Lar. Que assim seja!!
 
Culto Individual do Evangelho

Nem sempre encontrarás a colaboração precisa ao culto do Evangelho no templo familiar.Por vezes, será necessário esperar o amadurecimento dos companheiros, que se mostram semelhantes à folhagem viçosa nas robustas fraudes da vida, incapazes de perceber a glória da frutificação no futuro.Ainda assim, procura a intimidade do Mestre e, sozinho embora, sintoniza-te com ELE, através da leitura divina.Realmente, por agora, és parte integrante do grupo consangüíneo, mas, no fundo, és o irmão da Humanidade inteira, com obrigações de seguir para a frente.Todos somos peregrinas da eternidade, em trânsito para a Vida Superior.Cada situação no círculo das formas, em que experimentamos e somos experimentados, é simples posição provisória.Lembra-te de que o dia será a inevitável arena do testemunho e, ao longo das horas, encontrarás mil alvitres diferentes.É a cólera pretendendo insinuar-se através do teu campo emotivo.É a dor que tentará subtrair-te o ânimo.E a ventania das provas, buscando apagar-te a,fé vacilante e humilde.E o verbo desvairado que te visitará nas bocas alheias, concitando-te a esquecer as melhores conquistas espirituais.
É a revolta que projetará fel sobre a tua esperança.
E a insubmissão do próprio "eu" que te criará dificuldades inúmeras.
E a vaidade que te repetirá velhas fantasias, acerca de tua superioridade inexistente.E o orgulho que te apartará da fraternidade legítima.É a preguiça que te fará acreditar no poder da enfermidade sobre a saúde e do desalento improdutivo sobre a alegria edificante.E a maldade que te inclinará a palavra ao julgamento leviano ou apressado, no intuito de arrojar-te às trevas.Recorda semelhantes inimigos que nos desafiam constantemente, na luta sem quartel da evolução e do aperfeiçoamento, e, no Culto individual da Boa-Nova, grava em ti mesmo as observações do Mestre Divino, anotando-lhe os conselhos e avisos e tomando as armas da compreensão e do bem para lutar dignamente, cada dia, na abençoada conquista do futuro glorificado e sem fim.

—————

Voltar