O que é projeção astral?

 

 

O desprendimento do corpo astral durante o sono é um fenômeno natural, mas que também pode ser induzido e controlado mediante o uso de certas práticas Projeção astral é a capacidade que todo ser humano tem de projetar sua consciência para fora do corpo físico. Essa experiência tem recebido diversas nomenclaturas, dependendo da corrente de pensamento que a mencione: viagem astral (esoterismo), experiência fora do corpo (parapsicologia), desdobramento, desprendimento espiritual ou emancipação da alma (espiritismo), viagem da alma (eckancar), projeção do corpo psíquico (rosacruz) etc.
 A experiência fora do corpo é um fato comprovado. Apesar de tabus e medos que algumas pessoas têm sobre o assunto, o fenômeno acontece naturalmente durante o sono e que pode também ser conscientemente provocado por meio de técnicas seguras. Na projeção astral, há o desprendimento do psicossoma -- a contraparte extrafísica da pessoa, réplica sutil exata do corpo físico em toda a sua estrutura. O psicossoma é de matéria astral e vibra numa freqüência mais elevada que a matéria física; é imperceptível ao olhar e toque. Ele coincide com o corpo físico durante as horas em que a consciência está totalmente desperta, mas, no sono, os laços que mantêm os veículos de manifestação unidos se afrouxam e o psicossoma se destaca do corpo físico. Essa separação é que constitui o fenômeno da projeção astral. Normalmente, o psicossoma, quando projetado, mantém a semelhança do corpo físico e permanece a este ligado por um apêndice energético conhecido como cordão de prata, pelo qual a energia vital circula. Enquanto os dois corpos estão próximos, o cordão é como um cabo grosso. À medida que o psicossoma se afasta das imediações do corpo físico, o cordão torna-se cada vez mais fino e sutil. O cordão é excepcionalmente elástico e, enquanto o corpo físico vive, jamais se rompe - por mais longe que psicossoma esteja do corpo material. Não há também o risco de o psicossoma se perder ou ser incapacitado de voltar. Nas projeções conscientes, basta a pessoa pensar em retornar para isso acontecer imediatamente. Já nas projeções naturais, durante o sono, um ruído ou movimento que acorde o corpo físico traz o psicossoma de volta automaticamente. Vem daí a sensação de queda que muitas vezes nos faz acordar sobressaltados. Outro fenômeno comum nas projeções naturais é a pessoa despertar durante a noite e descobrir que não pode se mover, falar, nem abrir os olhos. Parece que uma força invisível lhe tolhe os movimentos. Embora possa ser assustador, esse fenômeno - denominado de catalepsia projetiva - é benigno e pode produzir a projeção se a pessoa ficar calma e pensar em flutuar acima do corpo físico. Nas projeções conscientes ou voluntárias, a pessoa se desdobra a pela vontade. Comanda o desenvolvimento da experiência e está totalmente consciente fora do corpo; pode viajar para lugares diferentes no plano físico ou extrafísico; encontrar com outros projetores ou com entidades desencarnadas. Pode voar e atravessar objetos físicos, reentrando no corpo físico à hora que desejar.
 
 
 Fonte: Instituto de Pesquisas Projeciológicas e Bioenergéticas - Wagner Borges